Monday, Mar. 18, 2019

Música: Nila Branco – Sucesso Pop Rock entre os sertanejos

Escrito por:

|

6 de junho de 2012

|

Publicado em:

Música: Nila Branco – Sucesso Pop Rock entre os sertanejos

Uma cantora nascida em Unaí, em Minas Gerais, que começa sua carreira cantando nos bares de Goiânia (GO), não é difícil pensar que o gênero musical seja sertanejo. Nila Branco, que em breve deve aparecer no sul de Santa Catarina, gravou seu primeiro disco de pop-rock em 1998. No ano de 2001 encabeça, junto com as bandas Goiás, o movimento “GO Rock”, promovendo um grande show com cobertura da imprensa nacional especializada, e tendo recebendo críticas positivas em diversos veículos.

Uma das músicas que mais ganhou destaque foi a letra “Diversão”, com o refrão “Esta noite eu quero ir mais além / Eu não devo nada pra ninguém / Vamos dar um tempo pra nós dois / Que a saudade vem melhor depois” esse é o refrão pegajoso de “Diversão”, que se enquadra perfeitamente na questão: “Quem não se lembra dessa música?”.

Em 2002 lança, pela Abril Music, lança o segundo CD de sua carreira, “Parte II”, no qual teve a música “Diversão” inserida na trilha sonora da novela “Desejos de Mulher”, da Rede Globo, que a fez conhecida nacionalmente. Na divulgação desse trabalho, Nila se apresentou nos principais programas de televisão, entre eles: Jô Soares, Altas Horas, Bem Brasil, Mais Você, MTV e outros, abrindo uma grande turnê o show “Parte II”, por todo Brasil.

Nila tem dois DVDs: “Nila Branco Ao Vivo”, lançado em 2006, trabalho com músicas de toda a carreira, além de algumas canções inéditas. Contou com a participação especial de George Israel, do Kid Abelha, na música “Eu estou aqui”, feita por ele e Alvin L., especialmente para Nila.

“Confidência”, foi gravado ao vivo em Goiânia e lançado em 2010, com músicas inéditas de novos compositores como Téo Rodrigues, Rubinho Gabba, Thiago Guerra, Nelson Motta, Zeca Baleiro, além de uma releitura de Cherish da Madonna e composições próprias. O disco foi lançado pela Savana Discos (selo criado pela sua empresária Lorena Falanque juntamente com a Nila) e distribuído pela Tratore.

Em 2010, criou suas primeiras trilhas para cinema estreando no curta metragem Verde e Maduro, de Simone Caetano, e em seguida o curta metragem Romãozinho, de Rosa Berardo. Sempre com algum diferencial, seja nos compositores participantes, nas parcerias, nos arranjos, Nila agregou fãs ao seu trabalho, o que torna o seu sétimo álbum, em fase de produção, aguardado com expectativa pela critica do ramo.

Por,
Marlon L.
Colaborador do Site

Nila Branco – Todos menos eu (CD e DVD Confidência)

 

Leia também:

Share This Article

Related News

Comportamento: Crise de identidade
Cultura: Publicitário criciumense lança livro de poesias e crônicas
Comportamento:  Questões para repensar ou discordar. A escolha é sua!

About Author

mairarabassa



Deixe um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>